Newsletter e atualizações

Fique por dentro de notícias selecionadas pela Melo

Fiança Locatícia : Uma saída para a inadimplência nos contratos de locação?

09/09/2019

admin_meloadvogados

O inadimplemento na relação locatícia pode ser evitado. Para isso o locador pode contar no momento da contratação da locação com o seguro fiança locatícia.

Foi através do § 1º do Art. 2º da Circular SUSEP 587 de 10 de junho de 2019, que a Superintendência de Seguros Privados implantou o seguro fiança locatícia que assim dispõe:

Art. 2º O seguro fiança locatícia destina-se a garantir o pagamento de indenização, ao segurado, pelos prejuízos que venha a sofrer em decorrência do inadimplemento das obrigações contratuais do locatário previstas no contrato de locação do imóvel, de acordo com as coberturas contratadas e limites da apólice.

  • 1º A cobertura de falta de pagamento de alugueis é a cobertura básica do plano de seguro fiança locatícia, sendo de contratação obrigatória.

A mesma circular, em seu artigo 13, ainda dispõe que “o prazo de vigência do contrato de seguro fiança locatícia é o mesmo do respectivo contrato de locação”. Com isso, locador e locatário não seriam surpreendidos com os contratempos e/ou adversidades do cotidiano, trazendo assim, uma maior segurança para as locações.

Deste modo, com a contratação de seguro do ramo Fiança Locatícia, substitui-se a figura do fiador e os problemas que costumavam resultar da inadimplência do locatário deixam de existir, uma vez que conforme assegura o artigo 757 do Código Civil, pelo contrato de seguro, o segurador assume os riscos do locador/segurado decorrentes de eventual inadimplência por parte do locatário/garantido.

Melina Solanho, advogada do Núcleo Cível da Melo Advogados Associados.

CARF define que gastos com publicidade geram créditos de PIS/COFINS

A legislação autoriza o Contribuinte a descontar créditos de PIS/COFINS sobre as aquisições de “bens e serviços”, utilizados como insumos na prestação de serviços e na produção ou fabricação de bens ou produtos destinados a sua atividade empresarial, em respeito…

Ler mais…

Provimento 86/2019 autoriza protesto gratuito ao credor e parcelamento de dívidas

  Na última sexta-feira, 30 de Agosto de 2019, foi publicado no Diário de Justiça o provimento 86/2019 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o qual trouxe uma impactante mudança aos credores e aos devedores perante os Cartórios de Títulos…

Ler mais…

Fundo de Garantia: Governo pretende excluir adicional de 10% pago por empresas

O adicional ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) fora criado durante o Governo de Fernando Henrique Cardoso visando à estabilização das contas do fundo em face da instabilidade criada pelos planos econômicos Verão e Collor, instituídos pelo…

Ler mais…

Conta corrente sem tarifas é direito de toda pessoa física

A conta corrente hoje,  é considerada um serviço essencial, e, por tal motivo, os bancos nacionais são obrigados a disponibilizar gratuitamente uma conta corrente para pessoas físicas. Essa conta é  destinada somente à prestação de serviços essenciais básicos, conforme  art. 2º…

Ler mais…