Newsletter e atualizações

Fique por dentro de notícias selecionadas pela Melo

Justiça decide que restituição de imposto de renda é impenhorável

23/09/2019

admin_meloadvogados

A 21ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo manteve decisão que indeferiu a penhora de restituição do imposto de renda por motivo de dívida. A ação movida pelo credor requeria o bloqueio do valor de R$ 2 mil.

Consta nos autos que a fundação autora da ação, credora de duas mulheres, iniciou a pesquisa de bens passíveis de penhora nos sistemas Bacenjud, Infojud e Renajud, sem obter sucesso. Sendo assim, solicitou, por meio do Infojud, cópias das declarações de imposto de renda das requeridas,  que apontaram que uma delas possuía saldo a ser restituído. Então, a fundação solicitou a penhora do valor apontado nas declarações.

Em seu voto, o relator do recurso, desembargador Décio Rodrigues, afirma que “a devolução ao contribuinte do imposto de renda retido na fonte, referente a restituição de parcela do salário, mantém sua natureza de salário e, por conseguinte, sua característica de impenhorabilidade”.

Completaram a turma julgadora os desembargadores Ademir Benedito e Itamar Gaino. A decisão foi unânime.

Processo nº 2153179-56.2019.8.26.0000

Elias Felipe Vera, advogado do Núcleo Cível.

Regime especial de tributação – controvérsias de sua duração e abrangência

O Regime Especial de Tributação (RET) largamente utilizado nos empreendimentos sujeitos ao Patrimônio de Afetação vem sendo objeto de insegurança no que diz respeito a sua duração e abrangência. O RET foi instituído pela Lei nº 10.931/2004 concebendo a possibilidade…

Ler mais…

Open Banking, conhece?

No início da semana, em nossa sede de Curitiba, recebemos uma comitiva da Acelera Varejo para discutirmos sobre novas oportunidades de negócios advindas do Open Banking. De forma simplificada, o Open Banking reflete a metodologia e conceituação de um sistema…

Ler mais…

Bafômetro: a recusa e seus reflexos legais em recente entendimento judicial

Recente decisão da turma de Uniformização de Jurisprudência do TJ/DF foi publicada, através da qual fixou o entendimento de que o condutor de veículo automotivo que se recusar ao teste do etilômetro (bafômetro) comete infração de trânsito. Ao decidir, o…

Ler mais…

Revisão de valores pagos em financiamentos rurais

No final do mês de outubro de 2019, foi julgado pela Corte Especial (STJ), os embargos de divergência em recurso especial, apresentados pela União, onde foram definidos os critérios da aplicação de juros de mora em relação a Fazenda Pública.…

Ler mais…