Oportunidade na regularização do ICMS no Estado de SP: lei histórica concede até 70% de desconto nos valores em discussão

24 de novembro de 2023

Aprovada recentemente pela Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), uma nova lei visa facilitar a regularização de débitos e multas de ICMS em São Paulo. A medida, sancionada pelo governador Tarcísio de Freitas e publicada no Diário Oficial da última terça-feira (3), altera a Lei nº 6.374/1989, ampliando prazos e oferecendo maiores descontos às empresas devedoras do poder público.

Essa mudança, introduzida no programa “Resolve Já” do governo, visa desobstruir os valores em disputas judiciais, que nesta situação são estimados em aproximadamente R$118 bilhões. Essas penalidades foram impostas às empresas que recorreram ao Tribunal de Impostos e Taxas (TIT).

Espera-se que graças a condições mais favoráveis e a um processo simplificado, os empresários se sintam encorajados a liquidar as suas responsabilidades sem recorrer à justiça, contribuindo para o desbloqueio do sistema fiscal.

A regulamentação atual prevê descontos significativos de até 70% para processos extrajudiciais e 55% para processos pendentes em tribunal. Além disso, redefine a aplicação desses benefícios ao parcelamento, permitindo descontos parcelados em até 36x. A nova regulamentação também permite a quitação de dívidas com empréstimos de ICMS acumulados pelas empresas endividadas, oferecendo uma oportunidade adicional de quitação de suas dívidas. Além disso, dá ao Executivo o poder de conceder alívio adicional de penalidades, melhorando as condições, principalmente para aqueles contribuintes que optarem pelo parcelamento antecipado.

A Melo Advogados permanece à disposição para prestar os esclarecimentos adicionais que se fizerem necessários.

Recomendados

LIMBO TRABALHISTA E PREVIDENCIÁRIO, QUAL ATITUDE O EMPREGADOR DEVE TOMAR?

Limbo trabalhista e previdenciário, é o período em que, o colaborador, a empregadora e o INSS – Instituto Nacional do […]

Saiba Mais

STF: Ministro relator André Mendonça determina a suspensão das demandas relativas à natureza do terço constitucional de férias

O Ministro André Mendonça determinou a suspensão de todos os processos judiciais e administrativos em que se discute a possibilidade de exclusão do terço constitucional de férias da base de cálculo da contribuição previdenciária patronal.

Saiba Mais

Simples Nacional: Entenda os impactos da redução do ICMS na conta de luz

Conheça mais sobre o regime Simples Nacional e como recuperar valores após a redução do ICMS na conta de luz.

Saiba Mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

crossmenu linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram