REFIS para regularização de débitos no Estado do Paraná foi reaberto!

11 de abril de 2024

No dia 10/04/2024, iniciou-se o prazo de adesão ao Programa de Parcelamento Incentivado do Estado do Paraná, o “REFIS”, instituído pela Lei de n.º 20.946, de 2021. O encerramento do programa está previsto para o dia 20/09/2024.

Por meio do programa, é possível a negociação de dívidas com descontos especiais sobre juros e multas. Os fatos geradores ocorridos até 31 de julho de 2023, constituídos ou não, independentemente de estar ou não inscritos em dívida ativa, poderão ter pagamento negociado de forma mais favorável, no que diz respeito a débitos de ICMS, ICMS-ST e ITCMD.

A redução pode chegar a até 80% do valor de multa e de juros, caso o contribuinte opte pelo pagamento único. Mediante parcelamento, o desconto pode chegar a até 70%, sendo parcelado em até 60 vezes. Os descontos variam conforme o parcelamento escolhido, que podem chegar a até 180 parcelas mensais, a despeito de, neste último caso, ter um desconto menor.

Os benefícios não param por aí: ainda, é possível a utilização de precatórios para quitar até 95% do valor total, nos parcelamentos de até 60 parcelas mensais. Os outros 5% poderão ser parcelados, nesse caso, em até 59 vezes.

A Melo Advogados permanece à disposição para prestar os esclarecimentos adicionais que se fizerem necessários.

Confira aqui outras notícias sobre:
https://meloadvogados.com.br/refis-parana-2024-reabriu/

Recomendados

Entenda a decisão do STF sobre o ICMS na conta de energia

Entenda como funciona a restituição do ICMS da conta de luz com base na decisão do STF.

Saiba Mais

STF publica os acórdãos dos Temas 881 e 885 sobre a Relativização da Coisa Julgada

Temas 881 e 885 do STF: por unanimidade, definiram pela possibilidade de desconstituição da decisão definitiva de mérito nas demandas tributárias de trato continuado.

Saiba Mais

É publicada lei que determina a exclusão do ICMS das bases de cálculo dos créditos de PIS e COFINS: nova judicialização à vista!

A lei nº 14.592/2023 altera as Leis nº 10.637/2002 (PIS) e 10.833/2003 (COFINS) para determinar a exclusão do ICMS das bases de cálculo dos créditos do PIS e da COFINS.

Saiba Mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

crossmenu linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram